Meu carrinho

Fechar

Roupas e pessoas: como funciona a EMIGÊ.it?

Escrito por EMIGÊ .it

• 

Postado em 21 setembro 2020

A Emige.it é feita por pessoas preocupadas com o futuro e apaixonadas por moda. 

Conversamos com os idealizadores da EMIGÊ, Maria e Diego, para trazer aqui um bate papo sobre o negócio e alguns insights que permeiam o propósito da marca.

Maria Gedeon, é formada em design e garimpa os brechós de São Paulo e do mundo há muitos anos. Ela é o coração criativo da Emigê, com seu talento para a curadoria de peças únicas.

“Quando eu preciso renovar o meu guarda-roupa, ou tenho algum evento especial, o meu garimpo é em brechó. Além de reduzir os impactos ambientais, no brechó não existe duas peças de roupas iguais. Não existe variedade de tamanhos e de cor. Então, o garimpo vai ser ainda mais emocionante quando você encontrar aquela peça exclusiva" -  explica Maria Gedeon. 

Já Diego Mazon, tem uma longa experiência em Marketing Digital. Trabalhou em empresas como Pirelli, Digitas, FOX e SPOTIFY. Após anos acumulando conhecimento sobre a indústria, decidiu empreender de forma inovadora e impactante. Entrou de cabeça no mundo da moda circular com o projeto EMIGÊ.it.

“Eu percebi que precisava fazer algo a respeito. Como eu poderia juntar meus 14 anos de conhecimento em comunicação digital e realmente trazer a economia circular para perto das pessoas? A economia linear é o que comanda o mundo de hoje. Porém, nesse modelo linear, o nosso planeta não vai aguentar por muito tempo.” - Diego Mazon, Idealizador da  EMIGÊ.it.

Criar um ciclo sustentável

Maria e Diego juntaram esforços e oferecem, com a EMIGÊ.it, uma forma divertida, criativa e exclusiva de combater a crise climática e promover uma indústria mais justa. O projeto tem como objetivo:

  • Gerar renda extra, conscientização e parceria com bazares sociais: a aquisição do vestuário é feita de pessoas físicas, que querem desapegar. Isso gera renda extra ou créditos para aquisição na loja EMIGÊ.it e em bazares que revertem o lucro para projetos sociais.

  • Movimento Circular: roupas que já foram produzidas e que seriam descartadas voltam para o mercado, movimentando a economia circular.

  • Redução do impacto ambiental: para produzir apenas uma camiseta de algodão branco, são necessários cerca de 2640 litros de água. Comprando na EMIGÊ, você reduz o consumo de recursos naturais valiosos. 

  • Preço de revenda acessível: Peças de roupa e calçados em excelente estado a preços acessíveis, aumentando a oportunidade de compra para mais pessoas.

  • Doar para educar: Parte do faturamento da Emigê é doado para instituições que ajudam na educação e consumo consciente.

  • “Temos que repensar nossos hábitos de consumo urgentemente. Espero que através das roupas exclusivas, a EMIGÊ.it consiga transformar as comunidades e os indivíduos positivamente.” Diego Mazon, Idealizador da  EMIGÊ.it.

    “Depois que se compra em brechó é um caminho sem volta (sério).”  - Maria Gedeon, Idealizadora da EMIGE.it.

    A seguir, os idealizadores da EMIGE.it explicam como funciona todo o processo de seleção e curadoria das peças do site. Você vai entender passo a passo o caminho que as roupas fazem até chegar na sua casa, com toda a qualidade e segurança.

    De onde vêm as peças de roupas e acessórios da Emigê.it? Como elas chegam até vocês?

    Maria Gedeon - As peças vêm de pessoas físicas que querem desapegar das roupas do seu próprio armário. Sabe quando fazemos aquela limpa de roupas que estão paradas e sabemos que não vamos usar tão cedo? Algumas pessoas acabam desapegando de 80/100 peças em uma vez.  É lindo ver todo esse desapego! 

    E como é feita a curadoria das roupas? 

    Diego Mazon - A curadoria das roupas é feita pelo nosso time de fashion designers, que avaliam primeiramente o estado e a qualidade da peça. O critério para entrar no nosso site é único: a peça deve estar em excelente estado, de ponta a ponta. 

    Em seguida, avaliamos a marca. Se estiver dentro das marcas com as quais trabalhamos, ela é aprovada, e passa para o setor de higienização.

    Qual o padrão de qualidade das peças do site?

    Maria Gedeon - A peça não entra em nossa seleção quando tem avarias. Manchas ou partes rasgadas excluem a peça e ela não é colocada a venda no nosso site.

    Nós queremos que a cliente tenha a mesma experiência de estar comprando uma peça nova! Então, direcionamos as peças que não são do nosso padrão para ONG's que aceitam peças com pequenos defeitos.

    Como a higienização das roupas é feita?

    Diego Mazon - A higienização das peças é feita duas vezes e de forma rigorosa.

    Para segurança da nossa equipe, todas as peças que chegam para avaliação em nosso escritório são direcionadas para o steamer de higienização. Este equipamento trabalha a uma temperatura de 200 graus, eliminando 99,9% dos germes e bactérias. 

    Somente após esse cuidado as peças são manuseadas pelo nosso time. 

    Antes de serem embaladas para o envio, as peças seguem novamente para o steamer de higienização. Tudo isso para que as nossas clientes tenham a maior segurança possível.

    Que tipo de roupa será possível encontrar no site? 

    Maria Gedeon - A EMIGÊ.it tem um estilo clássico, contemporâneo e segue as principais tendências de moda da Europa. Temos parceria com uma estilista brasileira que mora em Milão há 8 anos. Ela nos indica as principais tendências que foram usadas na estação. A nossa curadoria é feita com as referências indicadas.

    A EMIGE.it só trabalha com roupas em excelente estado, independentemente da marca. Se a roupa não estiver nos critérios excelência, ela não entrará no nosso catálogo e será direcionada para ONG's parceiras. 

    Além disso, nós procuramos selecionar marcas de boa qualidade no tecido e na costura, para que o seu ciclo seja duradouro e a próxima dona tenha boas experiências com ela.

    Comprando na Emigê.it o consumidor está contribuindo para uma indústria mais limpa?

    Diego Mazon - Sem dúvidas. O consumo global de moda continua a ganhar velocidade em níveis insustentáveis. Ele se apoia em uma cultura de descartabilidade. 

    Em todo mundo, cerca de 150 bilhões de peças de roupas são produzidas todos os anos (o Brasil é o quinto maior produtor nessa cadeia). Isso é feito, em sua grande maioria, a partir de materiais não sustentáveis. Dessa forma, 64% desse volume produzido acabam em aterros sanitários.

    Muitas pessoas desconhecem o impacto das roupas que vestimos. A indústria têxtil é a segunda mais poluente do mundo! Para ter ideia, comprar uma nova camisa de algodão branco produz as mesmas emissões poluentes que dirigir um carro por 56km. Uma única camiseta precisa de 2.640 litros de água para ser produzida.

    O vestuário é a segunda categoria de exportação que coloca as pessoas em maior risco de escravidão moderna. Em 2016, 40 milhões de pessoas se encontravam numa situação de escravidão, das quais 71% são mulheres. 

    Se todos comprassem um item usado em vez de um novo por ano, nós economizaríamos 66 milhões de árvores plantadas. Isso é o equivalente a 25 bilhões de chuveiros ligados e 18.700 caminhões de lixo cheios. 

    Comprando roupas e peças com a EMIGÊ.it você compensa o desperdício da moda descartável e ajuda a construir um mundo mais consciente e sustentável. 

    Quais medidas de redução de impacto ambiental a própria Emigê.it adota?

    Diego Mazon - Pensamos em iniciativas que minimizem o impacto no meio ambiente em todas as etapas dentro da Emige.it. Nós trabalhamos com fornecedores que têm certificações que comprovem o respeito ao meio ambiente. 

    Exemplo disso são as nossas tags, que são fabricadas a partir de restos de aparas e papéis reciclados coletados pela ONG Guardiões do Mar, no Rio de Janeiro. 

    O processo de fabricação semi-artesanal das nossas tags insere sementes na composição do papel. Isso permite que, após o uso, a tag ecológica possa ser plantada e germinar em lindas flores ou hortaliças. 

    Ou seja: nossas clientes podem comprar roupas exclusivas, de excelente qualidade e plantar as nossas etiquetas! Legal, né?

    Essa é a mensagem que vestimos aqui na EMIGE. 

    Que mudança você está vestindo para o planeta?

    Conheça nossas roupas! 

    comentários

    0 comentários

    Deixe um comentário
    ×
    Bem Vinda =)
    Carregando Ambiente Seguro